Traga amor e acolhimento para sua criança interior

Traga amor e acolhimento para sua criança interior

Você já ouviu falar sobre a criança interior? Toda pessoa adulta carrega sentimentos vividos durante a infância em uma parte inconsciente de sua psique. E é esse conjunto de memórias e sentimentos guardados que muitos terapeutas e psicólogos chamam de criança interior. Traga amor e acolhimento para sua criança interior
Quando a criança foi bem cuidada e amada, essas vivências geram sentimentos de autoconfiança e segurança na vida adulta. No entanto, nos momentos em que não houve respeito, proteção e cuidado, ela associa dor a amor, o que gera efeitos muito negativos ao longo dos anos.

Independentemente da nossa história de vida, todos nós tivemos momentos bons e outros desafiadores na infância. Por isso, é bem importante acolher e libertar a criança ferida que vive dentro de cada um de nós, para que possamos viver com mais leveza, confiança e liberdade.

Veja abaixo algumas dicas que podem te ajudar neste processo de autoconhecimento e autocuidado:

Revisite seu passado

Seja com a ajuda de um terapeuta ou de forma autônoma, para entrar em contato com nossa criança interior é preciso fazer uma viagem de volta ao nosso passado e resgatar memórias marcantes da infância. Procure se lembrar de momentos importantes que viveu especialmente até os seus 7 anos. Como você costumava se sentir em sua casa? Como era a relação com seus pais e irmãos? Você se sentia amada(o) e protegida(o)? Faça uma lista com alguns momentos que foram difíceis e até traumáticos para você e perceba se o sentimento que sentiu quando criança se repete de alguma forma na sua vida adulta.

Descreva como você era quando criança

Anote em um papel as características que te descreviam quando criança. Você era alegre? Do que gostava de brincar? O que te deixava mais feliz? Com quem você mais gostava de estar? Quais eram as suas principais dificuldades? Depois de fazer a lista, procure perceber o quanto dessas características você consegue ver e expressar hoje em dia. Olhar fotografias da época e entrevistar pais e parentes pode enriquecer muito essa descrição.

Ouça o que sua criança interior tem a dizer

Antes de acolher e libertar a nossa criança, precisamos ouvir o que ela tem para nos dizer. E a meditação pode ser uma forma muito eficaz de trabalhar essa escuta. Ao fechar os olhos, silenciar e se conectar profundamente com nossa respiração, podemos intencionar entrar em contato com memórias de infância que sejam importantes e que estejam impactando a nossa vida atualmente. E observar quais as lembranças, imagens ou sensações que vem à tona durante a meditação. Se sentir vontade, pergunte internamente se a sua criança tem alguma mensagem ou pedido para fazer para o adulto ou adulta que você se tornou.

E se você quiser uma guiança neste processo de autoconhecimento, conheça a meditação “Curando a Criança Interior” do Positiv App. Nesta prática, a psicóloga Fabi Maia nos conduz numa jornada de encontro e acolhimento com nossas memórias de infância, abrindo caminhos para a cura de feridas infantis e para o perdão.

Baixe agora o Positiv App e tenha acesso a essa e outras séries de meditações e masterclasses exclusivas.

Time Positiv
Time Positiv

A Positiv é uma comunidade de instrutores e meditadores que tem como propósito “despertar as pessoas para uma vida positiva com práticas que regeneram”.

Baixe o aplicativo da Positiv para desenvolver seu máximo potencial com a calma trazida pela meditação, com a saúde trazida pelas nossas masterclasses e com a elevação de espírito trazida pelas músicas de nossos incríveis artistas e guias que fazem parte de nossa crescente comunidade.